Nosso Blog

Visão do bebê: saiba como acompanhar o desenvolvimento

Se você teve filho(a) recentemente, especialmente se for mãe ou pai de primeira viagem, já deve ter se perguntado: será que meu bebê enxerga bem? De fato, é uma dúvida pertinente, considerando que a visão é o sentido que se desenvolve mais intensamente nos primeiros meses de vida. Por isso, é muito importante seguir o calendário de consultas de crianças ao oftalmopediatra até os 7 anos de idade, como já falamos por aqui.

Voltemos aos bebês. É possível acompanhar de perto o desenvolvimento da visão do pequeno desde os primeiros dias de vida. Mas é a partir dos 2 meses que ele reconhece bem a face da mãe e a enxerga a uma distância de até 1,5 metro, além de conseguir fixar o olhar na hora da amamentação.

Somente aos 2 anos de idade é que a criança chega a uma visão próxima a do adulto. Até lá, ela está em formação, mas você pode observar os sinais para avaliar se existe algum problema e se é preciso buscar avaliação de um oftalmologista pediátrico.

Como cada bebê se desenvolve em um ritmo diferente, é possível que alguns desses sinais surjam antes, mas na idade indicada, necessariamente, ele deve apresentar essas reações, sempre corrigindo a idade gestacional em caso de prematuros.

O que os bebês devem fazer, de acordo com a idade:

Recém-nascidos– Piscar os olhos diante de um flash luminoso
3 meses– Virar-se para a luz difusa, ou seja, menos intensa- Fixar e seguir o rosto de perto- Observar um adulto a uma distância de 75 centímetros- Fixar e seguir bolas se movimentando
4 meses– Observar um adulto a uma distância de 1,5 metro- Focar com precisão em um objeto
5 meses– Fixar os olhos diante do perigo (por exemplo, um objeto que vai em direção a ele)- Fixar em um objeto e tentar alcançá-lo

Dr. Rodrigo Fernandes
Oftalmologista
CRM 65641 | RQE 33003

Compartilhe:
Abra o Chat
Olá, como podemos ajudar?