Nosso Blog

Causas, sinais de alerta e tratamentos para olhos proeminentes

Os olhos proeminentes ou olhos saltados podem ser um traço familiar, mas também podem indicar sinal de doenças orbitárias. Conheça no blog as principais causas, tratamentos e sinais de alerta.  

Causas de olhos proeminentes

A principal causa em adultos é a Doença de Graves, que pode provocar um edema do tecido atrás e em volta do olho, empurrando o globo ocular para frente.

As causas menos comuns são:

  • Tumores;
  • Sangramentos;
  • Infecções;
  • Inflamação de estruturas dentro da órbita (casos mais raros).

Alta miopia e glaucoma congênito também podem fazer com que os olhos aumentem, provocando a impressão de que foram empurrados para frente.

Principais sinais de alerta

Alguns sintomas e características que podem causar preocupação são:

Caso apresente algum sinal de alerta, procure o médico oftalmologia o quanto antes. Pessoas sem sinais de alerta devem procurar o atendimento a fim de evitar que o quadro piore.

Quando a proeminência se desenvolve de forma rápida (em poucos dias) pode sugerir hemorragia na cavidade ocular, infecção ou inflamação. Por isso, procure sempre a orientação de um médico oftalmologista.

Quais são os tratamentos?

Quando a proeminência leva ao quadro de olho seco, é preciso realizar a lubrificação com lágrimas artificiais para proteger a córnea. Quando a lubrificação não é suficiente, é preciso intervir com cirurgia para dar maior cobertura à superfície do olho ou para reduzir a protusão.

Dependendo da causa do olho proeminente, é preciso realizar outros tipos de tratamentos, por exemplo, se for causada por infecção serão administrados antibióticos.

Como são realizados os exames?

A exoftalmia deve ser medida pelo médico responsável em consultório. Exames de imagem como ultrassonografia, tomografia e ressonância podem ser necessários para complementação diagnóstica e de seguimento.

Exames de sangue e acompanhamento multidisciplinar com outros especialistas são fundamentais em alguns casos, como a Doença de Graves.

E aí, ficou com alguma dúvida sobre o assunto? Deixe um comentário e vamos bater um papo!

Drª Paula Borges Carrijo

Oftalmologista

CRM 53336 | RQE 41855

Compartilhe:

Tudo sobre Glaucoma e Maio Verde

Glaucoma. Não adianta fechar os olhos! De acordo com a Organização Mundial de Saúde, OMS, em 2040 o glaucoma afetará cerca de 111,5 milhões de

Abra o Chat
Olá, como podemos ajudar?