Nosso Blog

Os óculos novos não ficaram bons? Saiba o que fazer.

No dia a dia no consultório, não é raro ouvir relatos de pacientes que dizem ter problemas de adaptação aos óculos novos. Apesar de muitas vezes as pessoas fazerem a associação dessa condição a um erro de confecção das lentes, esse processo pode ser considerado normal nos primeiros dias.

Mas, você sabe por que isso acontece? No texto de hoje vou explicar o que pode influenciar nessa adaptação, quais são os sintomas que podem surgir nesse período e por quanto tempo é normal senti-los. Acompanhe!

Por que é preciso esperar um tempo para se acostumar aos óculos novos?

Apesar de ser um tanto frustrante a sensação de não conseguir ver bem ao trocar de óculos, saiba que isso é completamente normal e pode acontecer com qualquer pessoa. E a explicação é simples: os olhos precisam de um tempo para se acostumarem à nova forma de enxergar que é proporcionada pelas lentes. Como elas auxiliam a observar os objetos com maior nitidez, é possível que a espessura, o design e o tratamento interfiram nesse período de adaptação.

As armações curvas, por exemplo, podem demandar maior tempo de adequação. Isso acontece porque elas costumam provocar mais distorções, principalmente em pacientes portadores de astigmatismo. Por essa razão, o mais indicado é conversar com o oftalmologista durante a consulta para entender quais são os tipos de óculos ideais para cada tipo de problema de visão.

Quais são os sintomas que podem surgir durante esse período?

Alguns sintomas acabam sendo comuns durante o processo de adaptação aos óculos novos. Logo, são considerados normais e podem surgir tanto em pessoas que estão usando lentes corretivas pela primeira vez quanto em quem vivenciou alterações de grau recentemente.

Geralmente, os sinais que aparecem logo no início do uso de lentes novas são:

  • Enjoo;
  • Tontura;
  • Dor de cabeça;
  • Cansaço nos olhos;
  • Distorções nas imagens (como imagens mais inclinadas por exemplo);
  • Percepção das letras embaralhadas ou embaçadas.

Quanto tempo é preciso para se acostumar aos óculos novos?

Os sintomas que mencionei acima, e que são normais de surgirem durante o processo de adaptação, podem durar entre 7 e 15 dias. Portanto, esse é considerado o tempo médio para que uma pessoa possa se acostumar ao uso de novas lentes corretivas.

Sendo assim, o mais comum é que depois desse período o paciente já esteja habituado com os óculos e não sinta mais nenhum tipo de incômodo. No entanto, caso os sintomas persistam, é preciso procurar o oftalmologista que fez a prescrição médica para que ele possa verificar se houve algum problema de confecção da lente ou até mesmo algum equívoco no grau indicado na receita.

O que pode atrapalhar esse processo de adaptação?

Como mencionei, se após duas semanas o paciente seguir sentindo incômodo ao usar os óculos novos, é preciso procurar ajuda médica para entender o que está causando esse desconforto. Entre as causas mais comuns que podem levar a esse tipo de situação, estão:

  • Erros de confecção: a dificuldade de adaptação também pode acontecer devido a erros de confecção das lentes nos laboratórios responsáveis por essa atividade.
  • Erros de montagem: as lentes, corretamente prescritas e adequadamente fabricadas, podem ser mal posicionadas nas armações e causar desconforto no paciente.
  • Erros de adaptação: erros que podem ocorrer por parte do paciente. Por exemplo: usar pontualmente óculos que requer uso constante, mau entendimento quanto ao funcionamento e utilização de lentes multifocais, entre outros.

Como foi possível perceber, o período de adaptação aos óculos novos é um processo normal e que exige certa paciência por parte do paciente. No entanto, caso o desconforto permaneça após o tempo considerado normal para adequação, é preciso buscar ajuda médica para solucionar o problema.

Ficou com alguma dúvida sobre o assunto? Deixe o seu comentário e vamos conversar!

Drª Paula Borges Carrijo
Oftalmologista
CRM 53336 | RQE 41855

Compartilhe:
Abra o Chat
Olá, como podemos ajudar?