Nosso Blog

O que causa cegueira? Conheça as doenças mais comuns e como evitar

O que vem à sua cabeça quando se fala de cegueira? Parece distante da sua realidade, do tipo que só acontece com os outros? Não é bem assim. No Brasil, existem hoje cerca de 1,5 milhão de pessoas cegas, segundo um extenso estudo do Conselho Brasileiro de Oftalmologia. No mundo, o número chega a 36 milhões. O assunto merece atenção, inclusive porque as estimativas da Organização Mundial da Saúde apontam que 75% dos casos poderiam ter sido evitados ou curados.

A cegueira é definida por parâmetros oftalmológicos: a acuidade visual, ou seja, se a pessoa é capaz de reconhecer determinado objeto a partir de alguma distância; e campo visual, que é a amplitude da visão. As pessoas consideradas cegas são as que não conseguem enxergar nada ou aquelas que possuem um grau tão baixo de visão que não conseguem executar tarefas rotineiras.

Quais as principais doenças que causam cegueira?
Uma das principais causas de deficiência visual são erros de refração não corrigidos (como miopia e astigmatismo), principalmente em crianças. Porém, a maior parte das doenças que provocam cegueira acomete os idosos, como a catarata e a Degeneração Macular Relacionada à Idade (DMRI). A retinopatia diabética, que é uma complicação do diabetes, também é outra causa comum, inclusive entre mais jovens.

São condições que, se identificadas no início, podem ser tratadas e os danos na visão podem ser reversíveis, ou seja, a cegueira pode ser evitada. Ainda assim, é comprovado que o risco de ficar cego cresce com a idade. Segundo o estudo, mais de 82% de todas as pessoas cegas no mundo têm 50 anos de idade ou mais.

Como prevenir?
Não existe melhor prevenção do que o acompanhamento oftalmológico, com consultas frequentes. O cuidado com a saúde de maneira geral, como manter uma alimentação equilibrada, dormir bem e evitar exposição excessiva ao sol, são outras dicas importantes.
E não se esqueça de controlar o tempo de exposição em telas e fazer pausas para descansar os olhos. Falei sobre o uso de eletrônicos neste artigo que mostra como evitar a fadiga ocular.

Dr. Rodrigo Fernandes
Oftalmologista
CRM 65641 | RQE 33003

Compartilhe:
Abra o Chat
Olá, como podemos ajudar?